• Instagram Social Icon
  • Facebook Social Icon
  • YouTube Social  Icon

© 2019 - Made with ♥ by Hero Corp.

DICA DE LUXO

E-sports - Revolução Digital

22/06/2017

 

Uma das apostas mais ousadas que o Dica de Luxo está lançando é o nosso Colunista carioca Iago Almeida onde ele nos convenceu a apoiar o mundo do E-sports... Economicamente falando esse segmento acumula cifras bilionárias e é algo de vanguarda no Brasil.

 

Sejam bem-vindos ao mundo de Iago Almeida... Desejo sucesso ao nosso novo colunista!!!

 

Num mundo onde as pessoas estão cada vez mais inseridas na Internet conectadas ao mundo inteiro, e a "internet das coisas” tem tomando um lugar de destaque na vida e até mesmo na casa das pessoas, e os equipamentos eletrônicos tem se aumentado consideravelmente e cada vez mais tudo está ligado a internet. Isso não seria diferente até mesmo com o conceito de esportes.

 

Foi com esse conceito que surgiram os E-sports, principalmente, em meados do ano de 2010, que são os esportes profissionais de jogos eletrônicos, esses jogos são reconhecidos e tem seus “players” considerados atletas profissionais, em destaque podemos mencionar o Conter-Strike Global Ofensive da Valve, e o League of Legends da Riot. 

 

Talvez você se pergunte como um jogo eletrônico consegue ser considerado como algo profissional, a resposta é simples, as próprias desenvolvedoras investem para que o lado profissional do jogo se destaque, investimento em eventos e nos jogadores que obtém melhores destaques no jogo.

 

Para exemplificar: a final mundial do League of Legends (LoL), em 2016, teve mais de 2 milhões de pessoas assistindo na plataforma oficial da Riot além de premiar os jogadores com US$ 2,13 milhões. Isso mostra que para as empresas os jogos deixaram de ser coisa de criança e se tornaram um mercado muito rentável e empresarial.

 

Podemos dizer assim que um novo mercado tem surgido com força, até mesmo com força econômica. Algumas marcas que já tem investido são a Visa, Samsung, Razer e Acer.

 

Estamos diante de um mercado que tende a crescer sempre, haja vista que os eletrônicos não tendem a sair do nosso cotidiano, e o momento se mostra muito oportuno hoje para o mercado brasileiro que ainda necessita de apoio e investimento, e tem uma aceitação de publico enorme.

 

Instagram: theiagoalmeida 

 

Compartilhar no Facebook
Compartilhar no Twitter
Please reload