• Instagram Social Icon
  • Facebook Social Icon
  • YouTube Social  Icon

© 2019 - Made with ♥ by Hero Corp.

DICA DE LUXO

Sobre Cães, Filhos e Acessórios

07/07/2017

 

Mulheres, homens, jovens, adultos, todas as pessoas com um mesmo objetivo, reprodução. Se no meio de um bate papo (leia-se - festas de família, encontro de amigos ou um simples almoço com colegas de trabalho) surgir o assunto Sexo (e todos seus enlatados derivados - casamento, relacionamento, traição) chegaremos a um ponto, FILHOS, maior objetivo e/ou temor da maioria das mulheres ou homens.

Essa paranóia reprodutiva da humanidade é assustadora, principalmente para pessoas solteiras que não os tem, ou não querem ter, nada contra com o mundo familiar, mas parece que todo Brasileiro é meio italiano e sonha em ter milhares de pessoas com genes derivados dos seus em volta de uma mesa quando chegarem a terceira idade (ou é só vontade de ter alguém com a obrigação te sustentar no futuro?), enfim, se em volta das conversas que citei a gente fazer um pitstop mental (atenção, pitstop mental não significa mini-flashbacks e sim pitstop - os quais merecem um texto só deles), o que vamos perceber?

Mulheres na fase dos vinte e pouco procuram com desespero amor, sexo, paixão e no fim, uma argolinha dourada para enroscar os dedos... As de 30 também, mas não nessa ordem, para que? Por eles, miniaturas humanas, filhos. Dentre um desses pitstops mentais (eu tenho vários, às vezes acredito inclusive que eles foram feitos para mim - por mim?) realizei, animais racionais ou irracionais? Com qual filhote ficar? (falar o mais peludo seria irrelevante - às vezes).

Um filhote humano exige atenção, mas é fofo e grato (enquanto filhote), aconchegar um bichinho desses no colo e conseguir acalmá-lo é uma das coisas mais incríveis do mundo, o riso, o choro, a interação que a racionalidade propõe é incrível, ao contrário dos nossos outros filhotes, irracionais (que não interagem tanto - talvez por não serem da nossa raça) que só choram e por não terem suas fraldas anatomicamente perfeitas fazem necessidades em nossa sala (sim, diferente dos outros eles já chegam andando), logo, há um empate técnico entre os filhotes, enquanto um não oferece interação e lhe falta fraldas no mercado o outro tem de déficit de independência.

Durante a infância os custos/benefícios são correspondentes aos dois tipos de descendentes, a um filhote homem você ensina a fala, ao/au filhote cão você ensina dar a pata, ao filhote homem você paga cerca de 3 salários mínimos pela boa alfabetização, ao/au filhote cão você se dá por satisfeito por ele não fazer caca no chão (não, a rima não foi proposital), e para isso, não gasta mais que meio salário mínimo.

Mas vamos ser diretos, se você cansar de seu filhote irracional, pode doá-lo a um parente próximo ou mesmo a um desconhecido com o mero pretexto que seu apartamento é pequeno demais para algo que está tomando muito espaço, se seu filhote racional começar ocupar mais que um quarto você terá que arrumar um apartamento maior, pois doar filhotes racionais tem um nome jurídico, adoção ou abandono, e se deixar com um parente próximo por mais de um final de semana das duas uma, ou perderá um ente da família ou nunca mais conseguirá uma babá de final de semana.

Continuando sem as meias palavras que deixamos para traz no último ato, quando seu filhote irracional vai ganhando as formas que levarão a vida adulta, quando ele procriar, ainda que por obra do acaso, mais uma vez poderá doar os filhotes, ou quem sabe vender, podendo ser muito lucrativo, agora, vende um filhote de sua cria racional, ainda que seja no mercado internacional, só Deus - e seu advogado - sabe quanto tempo você ficará na cadeia, ou seja, filhos de filhotes irracionais = lucro óbvio, filhos de filhotes racionais = lucro incerto (chave/tranca de cadeia) ou mais 4 salários mínimos por mês (melhor, menos).

Por fim, o ponto decisivo, ao chegar aos 15 anos seu filhote racional entrará na pior fase da sua vida (será pior para você que para ele), se envolverá com drogas, ou entrará em crises que custarão muito mais que os 4 salários mínimos inicialmente previstos, e o filhote irracional? O que faz aos 15 anos? Morre.

Compartilhar no Facebook
Compartilhar no Twitter
Please reload