• Instagram Social Icon
  • Facebook Social Icon
  • YouTube Social  Icon

© 2019 - Made with ♥ by Hero Corp.

DICA DE LUXO

Dia das Mães – Empoderadas e felizes

08/05/2019

 

O mês de maio está aí e com ele a data mais aguardada e querida do ano chegou, o ‘Dia das Mães’. Comemorado no segundo domingo de maio - neste ano será no dia 12 – o que vêm à tona além dos presentes, encontros e dedicatórias é o reconhecimento, ou seja, o papel das mulheres está cada vez mais forte na sociedade e a busca pela sua importância, não só no papel de mãe, mas no de profissional segue firme.

A participação das mulheres na vida econômica brasileira aumenta consideravelmente a cada ano. De acordo com a pesquisa GEM Brasil 2015 (Global Entrepreneurship Monitor), o público feminino é mais expressivo do que o masculino, quando o assunto é a abertura de novos empreendimentos.

Os dados apontam que o empreendedorismo tem despertado mais interesse das mulheres. A proporção de “Empreendedores Novos” - os que têm um negócio com menos de 3,5 anos - é maior entre elas: 15,4% contra 12,6% de homens. O estudo constatou ainda que as representantes do sexo feminino empreendem movidas principalmente pela necessidade de ter outra fonte de renda, ou de adquirir independência financeira.

Um relatório divulgado este ano pelo Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Espírito Santo (Sebrae ES) aponta que em 2017 e 2018, a proporção de mulheres empreendedoras que são “chefes de domicílio” passou de 38% para 45%. A atividade empreendedora passou a conferir às empresárias posição de protagonismo quanto à renda da casa. O percentual de mulheres na condição de cônjuge (quando a principal renda familiar provém do marido) caiu de 49% para 41% nos últimos anos, segundo o relatório.

As mulheres hoje, além de mães, donas de casa, comandam diversos negócios, sejam as que começaram recentemente ou as que já estão no comando de empresas conceituadas há bastante tempo, e neste ‘Dia das Mães’ queremos homenageá-las por além de todo carinho dedicado aos filhos, maridos e família, também pelo seu sucesso!

EVENTO

Entre as que podemos destacar estão as irmãs Joelma Peterle e Flávia Firmino que realizam um evento voltado para o segmento de casamentos que acontece há 15 anos, o Evento Noivas. “Começamos com esta feira, e já apresentamos para o público diversas novidades no segmento nupcial, além de desfiles, apresentações musicas, entre outros”, conta Flávia, mãe de Mateus, 6 anos, casada com Mário Christ há 12 anos. Joelma sua irmã e sócia, leva o negócio junto que já expandiu – hoje elas também produzem um guia para crianças e adolescentes, o “Guia Kids e Gestantes”. Joelma já foi casada e tem uma filha, Ana Paula. “Nossa vida é muita corrida, estamos sempre à volta com a realização do nosso trabalho, mas não deixamos de lado a família, a criação de nossos filhos, e nos ajudamos muito”, pontua.

FARMÁCIA DE MANIPULAÇÃO

Dedicação e curiosidade definem a trajetória profissional da farmacêutica Raigna Vasconcelos. Ela, que nem pensava em abrir uma farmácia, hoje comemora o fato de ter conquistado a posição de sócia em uma farmácia de manipulação no Estado, a Alquimia.

O começo foi como assistente e, degrau após degrau, Raigna Vasconcelos foi convidada pelo fundador da farmácia, Julio Cézar Campagnaro, a fazer parte da sociedade há cinco anos. Este ano, eles preparam uma festa em comemoração aos 30 anos da Farmácia Alquimia.

MODA

Já a empresária Gilcéa Prudêncio, há mais de 40 anos atuando no mercado de moda, é casada há 44 anos e tem três filhos homens: Leonardo (42), Rodrigo (38) e Antônio Inácio (37). Ela conta que no começo da carreira viajava para comprar roupas em outros estados e as vendia nas casas das clientes.

“Passamos por períodos difíceis e fáceis, sempre juntos em família. As vezes viajava e levava a família comigo, outras vezes ia sozinha. O marido foi peça fundamental porque ele me sustentava, me apoiava e me ajudava a crescer”, conta Gilcéa, que também teve o apoio das irmãs para dar conta do recado. “Minha equipe é muito boa e está comigo há muito tempo. As irmãs sempre trabalharam comigo e também ajudavam a cuidar dos meus filhos como se fossem delas”, completa.

Hoje, Gilcéa está consolidada com a loja multimarcas Caxuxa, localizada em Jardim da Penha desde 2010. Por lá, ela tem clientes fiéis há mais de 30 anos. “O segredo é amar o que faz, escolher algo que você queira cuidar até ficar velhinha. Agradeço muito a Deus pela minha trajetória”, finaliza ela.

MERCADO DE FRANQUIA

Em torno de organização e muita dedicação as atividades de mãe e empreendedora vão se encaixando no dia a dia, segundo a administradora, sócia e diretora financeira do Number One Chicken (N1 Chicken), franquia capixaba de delivery de frango frito, Luciana Nascimento Silva Cola Sarres, de 36 anos, mãe do Lucas de 19 anos, Leonardo de 10 anos e Lorenzo de oito meses.

O desempenho das atividades no negócio, e vice-versa, atinge diretamente a vida pessoal. Por isso, Luciana lembra da sua entrada ao time de sócios e da importância do amparo que recebeu com a notícia da maternidade. “Eu já era mãe de dois garotos quando topei participar do projeto da N1 Chicken, porém logo no início da implantação da franqueadora descobri que estava grávida. Fiquei muito feliz, mas ao mesmo tempo preocupada, pois não sabia como seria a reação dos meus sócios. Me surpreendi com a maneira como todos receberam a notícia e com o apoio que recebi deles na gravidez e principalmente no puerpério. Eles foram incríveis! Não teria conseguido sem o apoio de cada um!”, revela.

Mesmo com os filhos, Luciana vem conciliando os negócios com a maternidade. Segundo ela, os desafios perpassam a organização, planejamento e, principalmente, tranquilidade para lidar com os contratempos.

“Topei entrar na sociedade com o N1 Chicken primeiro pelo projeto em si, os envolvidos (sócios) e o desafio de participar mais uma vez do Startup de uma empresa, porém desta vez como sócia. Porém, me deparei com muito mais! Ao ser empreendedora a dedicação é mais compensadora, tenho mais liberdade para tomar decisões conseguir colocar em prática as ideias que acredito e tenho a flexibilidade com os horários, que infelizmente, poucos empresas oferecem”, destaca Luciana.
 

 

Compartilhar no Facebook
Compartilhar no Twitter
Please reload