DICA DE LUXO

Stampa apresenta peças ícones na Casa Cor ES

18/10/2018

Além da curadoria da galeria que fará homenagem a Sergio Rodrigues com exposição de peças icônicas do designer, a Stampa, referência em móveis de design, também assina com exclusividade a curadoria do mobiliário de três ambientes da Casa Cor apresentando lançamentos do designer Jader Almeida e criações de Zanini de Zanine, Ronald Sasson e Leo Romano.

 

O ‘Studio da Remadora’ de Letícia Finamore foi inspirado no dia a dia e esporte que a arquiteta ama. A paixão pela modalidade é traduzida num ambiente clean, despojado e, ao mesmo tempo, elegante, em um espaço de lançamentos do designer Jader Almeida. A cadeira Bone, que une as virtudes do "feito à mão" aliadas aos processos tecnológicos de ponta, é um dos destaques do ambiente, bem como a elegante e confortável poltrona Wing e a mesa de apoio Jazz. O studio também tem Jader Almeida na iluminação com as luminárias Docc e o pendente Bis, este último, por exemplo, lembra uma obra de arte e promete provocar o olhar do visitante.

 

Ainda neste ambiente, a Stampa apresenta o Sofá Lençóis Maranhenses que encanta com sua versatilidade. É que a peça, do designer Leo Apter, é composta por assentos em blocos e encostos removíveis, o que possibilita diferentes composições e usos. O sofá pode se transformar em grandes puffs separados, sem encostos, um charmoso sofá lateral ou, ainda, um grande sofá que emoldura toda uma sala. Outro destaque no loft é a premiada escrivaninha São Basílio de Ronald Sasson que encanta por seus detalhes, volumes e planos bem projetados, na combinação harmoniosa de materiais e na simplicidade de execução que ressaltam a beleza estética da peça.

 

O ‘Loft da Ginasta’ de Daniela Andrade, pensado de forma que a vida da atleta estivesse presente em cada ambiente através de um conceito de ‘Sentidos’, é um convite ao visitante a imergir não só na vida e sentimentos da ginasta como a apreciar um mix de design único que contribui para criar uma conexão entre o funcional e a convivência, a vaidade, a privacidade, o relaxamento. O espaço traz desde peças de Jader Almeida como a poltrona Celine e o banco Philips, como a icônica poltrona ‘Chifruda’ de Sergio Rodrigues, peça de colecionador, que não existe mais no mercado. A que estará no ambiente vem diretamente do acervo de Gisèle Schwartsburd, da LinBrasil, empresa produtora de grande parte do acervo do designer.

 

A peça que remete ao tema do loft e aos movimentos da ginasta é sem dúvidas a mesa lateral Bailarina de Leo Romano. O designer se inspirou nesta dança clássica para criar essa linha no qual os objetos foram construídos com pés que remetem ao formato das bailarinas. Todas de ponta, prontas para dançar em um grande corpo de baile. 

 

 

Ainda no espaço da ginasta, outro destaque é o banco Kansai de Ronald Sasson, que mais parece uma obra de arte. A peça foi pensada e concebida a partir de cestos de bambu com arestas soltas que lembram tramas desfiadas. As formas sinuosas do mobiliário são revestidas internamente com latão e externamente com lâmina de ipê.

 

Outro ambiente com curadoria da Stampa é o ‘Loft Esgrima’ de Junior Torezani e Victor Sarcinelli, que a exemplo de outras edições de Casa Cor, privilegiam a arte e peças de mobiliário assinadas como DNA de seus projetos. O espaço traz uma seleção de peças de Jader Almeida, como a cadeira Satti, que é exemplo de design aliado com conforto, pois a peça conta com formatação anatômica de concha e composição estofada que abraçam o corpo. A mesa lateral Jazz, a mesa de apoio Jardim de Parede, o sofá Saturday e a estante Icon – esta será encaixada em um nicho, criado especialmente para recebê-la, também de Jader, estarão no espaço.

 

Também são destaque no loft a mesa jantar Zina do designer Zanini de Zanine, a mesa lateral piscina do Estúdio Rain, além da poltrona Paulistano do arquiteto capixaba Paulos Mendes da Rocha, considerado um dos mais importantes arquitetos e urbanistas brasileiros. Paulo assumiu uma posição de destaque mundial com o prêmio Pritkzer que recebeu em 2006, um Nobel da arquitetura concedido apenas a outro brasileiro, Oscar Niemeyer. A Poltrona Paulistano possui uma estrutura em aço flexível com assento e encosto envolvidos em uma capa, e que em 2009 entrou para a seleta coleção permanente do Museu de Arte Moderna (MoMa) em Nova York.

 

A Stampa está presente ainda no Restaurante Arauco, projeto de Juliana Vervloet do Amaral e Roberta Toledo. O espaço terá em destaque cadeiras italianas Piazza e a banqueta 102 de Jader Almeida. Já na Galeria do Fotógrafo, de Ana Paula Brasil, vão ser destaque o banco Zoe e a poltrona Lua, ambos do designer Zanini de Zanine.

 

E no ambiente Home Office com lavabo, de Renata Tristão, também ganha destaque a escrivaninha Quilombo de Arthur casas.

 

Galeria Sergio Rodrigues

A Stampa também marca presença na Galeria Sergio Rodrigues, um projeto do Instituto dos Arquitetos do Brasil – Departamento Espírito Santo (IAB-ES), assinado pelos arquitetos Daniela Caser e Geraldo Lino, com curadoria do mobiliário feita pela Stampa. Serão três ambientes de 15 m2 quadrados com divisórias em vidros criando um efeito zig-zag, mas mantendo a comunicação visual. Além da icônica poltrona Mole que completou 60 anos no último ano, a galeria traz peças do designer como a cômoda Bianca, poltronas Oscar, Tonico, Diz, Kilin, cadeiras Cantu e o banco Mocho.

 

A Casa Cor ES será aberta ao púbico no dia 10 de outubro e vai até dia 28 de novembro, no Clube Álvares Cabral.

Compartilhar no Facebook
Compartilhar no Twitter
Please reload

  • Instagram Social Icon
  • Facebook Social Icon
  • YouTube Social  Icon

© 2019 - Made with ♥ by Hero Corp.